O que é a penectomía?

penectomia 


 


A penectomía é a remoção do pênis para tratar o câncer de pênis, um tipo de câncer não muito freqüente, mas com maior incidência em países da América do Sul, África e partes da Ásia. Quando é necessária uma cirurgia, realiza-se uma penectomía parcial ou completa para eliminar o câncer e melhorar as chances de sobrevivência do paciente.


Se o câncer está muito difundido no tecido, a penectomía implicará a eliminação completa do pênis junto às raízes do mesmo, que se estendem na pelve. Embora não afecta a capacidade para urinar, sim, a forma como esta sai do organismo, pois há que criar uma nova abertura entre o ânus e o escroto para que a urina possa ser expelida.


Além disso, dependendo de quão avançado está o câncer, é possível que seja necessário remover também os testículos, em cujo caso é necessário tomar suplementos de testosterona posteriormente.


Recuperação


O processo de recuperação após uma penectomía depende de muitos fatores, incluindo a idade do homem, a extensão do câncer e qualquer outra condição médica que esteja presente.


Os efeitos a longo prazo do procedimento cirúrgico podem incluir mudanças na forma em que o homem urina, dependendo se você realizou uma penectomía parcial ou completa.


No caso de uma penectomía parcial, a micção tradicional de pé é possível. Mas diante de uma penectomía completa, o homem terá que se sentar para fazer xixi.


Em relação à função sexual também pode ser afetada. Sim é possível manter relações sexuais com uma penectomía parcial; no entanto, após uma cirurgia completa, a penetração não é, segundo a Sociedade Americana do Câncer.


Existem outras opções além da penectomía?


Em alguns casos, pode ser utilizada uma cirurgia menos agressiva, mas o que é um procedimento cirúrgico empregar depende de quão grande é o tipo de tumor e da profundidade com que o câncer se espalhou pelo tecido.


Os procedimentos cirúrgicos podem incluir a cisão, uma simples remoção, em que se remove apenas o tumor e de parte do tecido circundante (para um tumor pequeno); a cirurgia micrográfica de Mohs, que consiste em remover as camadas do tumor, uma a uma, observando sob um microscópio cada camada para identificar a presença de células cancerosas; eliminam-se as camadas até que não haja presença de células cancerosas; ou acircuncisão, quando o câncer de pênis só envolve o prepúcio. Em alguns casos, a quimioterapia, a imunoterapia (também conhecida como terapia biológica) e a radiação podem ser usadas para tratar o câncer de pênis.


Em geral, a perspectiva para o câncer de pênis depois de uma penectomía depende do estágio do câncer, do tamanho do tumor e da idade de um homem.

Você chegou a formular Stephen Hawking uma teoria do tudo?

Você chegou a achar Stephen Hawking uma teoria do tudo? 


A elaboração de uma teoria do tudo, aquela que conseguir fazer coincidir de forma coerente, as leis do mundo das partículas como os elétrons (os postulados da física quântica), e a física dos grandes astros (teoria da relatividade) tem sido o desafio da física, por excelência, para os grandes gênios do século XX, e continua a fazê-lo. Enquanto que o último é descrito pelas equações de Einstein, o primeiro é predisse, com uma precisão extraordinária pelo chamado Modelo Padrão das interações fundamentais.


Pode ser que os dois cientistas mais famosos do nosso tempo, morreu compartilhando os mesmos anseios: Albert Einstein e Stephen Hawking.


Antes de morrer, Stephen Hawking trabalhou durante anos em algo chamado de “teoria M“. Para ele, era a melhor aposta de uma teoria completa do universo. Mas, em que consiste?


Nossa compreensão do cosmos é descrita por quatro forças fundamentais. Dois deles, a gravidade e o eletromagnetismo, são relevantes para nós a nível macroscópico, os tratamos em nossa vida cotidiana. Mas as outras duas, denominadas interações fortes e fracos, atuam em uma escala microscópica, e tornam-se relevantes apenas quando se trata de processos subatômicos.


Mas quando se tratam de combinar as forças de uma e de outra escala, aparecem infinitos ‘absurdos’.


Para entender a idéia básica da teoria M de Hawking, devemos retrotraernos a década de 1970, quando os cientistas se deram conta de que, em vez de descrever o universo como base a partículas pontuais, você poderia descrevê-lo em termos de pequenas cordas oscilantes: a célebre teoria de cordas.


Esta nova maneira de pensar sobre os constituintes fundamentais da natureza funcionou para resolver muitos problemas teóricos. E ao contrário da teoria padrão da gravidade, a teoria das cordas pode descrever suas interações matematicamente sem saber estranhos infinitos.


Muitos universos


Outra característica marcante é que a teoria das cordas requer a existência de dez dimensões espaço-temporais. Atualmente, conhecemos somente quatro: profundidade, altura, largura e tempo. Podemos ser forçados a viver em um mundo de três dimensões, sem qualquer acesso às dimensões adicionais.


Ou bem, o resto de dimensões poderiam estar “compactas” em uma escala tão pequena que não as notamos. Uma possível solução é que o nosso universo é apenas um de muitos em um infinito “multiverso”, que é governado por diferentes leis físicas.

10 ações que os consumidores podem fazer!

1. Contratar energia renovável

O consumo de energias fósseis, em cima de tudo isso petróleo, carvão e gás, implica uma saída impacto ambiental: destruição com espaços naturais, poluição, aumento do câmbio climatológico, etc., Uma forma de reduzir a sua dependência é através da contratação entre propostas que produzem e comercializam energia renovável. Segundo seus responsáveis, os cidadãos podem contratar tarifas até mais baratas do que as em empresas convencionais e a origem da eletricidade “virente” se garante com uma forma transparente e solene.

2. Usar aparelhos e sistemas, dentre subida eficiência energética

Graças ao uso eficiente da energia se consome menor quantidade entre recursos e do que dinheiro, se manter ou mesmo melhorar a qualidade de vida, polui menos e é possível prolongar a vida dos recursos. Quanto mais aparelhos e sistemas do aumento da eficiência energética utilizem os consumidores, mais se agradecer o meio envolvente e o seu bolso. A rotulagem do literato e cores, qualquer vez mais comum em eletrodomésticos, pneus ou casas, é um bom critério a compra para saber a eficiência energética do produto.

3. Evitar o desperdício do vitualhas

Cerca de 179 kg com provisões em bom estado é desperdiçada através de pessoa por ano, e até 50%, com os produtos adequados para o consumo que são excluídos tornam-se resíduos em direção ao amplo com a cadeia alimentar, de acordo com fontes europeias. Evitar, ou ao menos reduzir, o mais possível, o desperdício do que provisões de diminuir o impacto ambiental e, com passo poupa dinheiro. Os cidadãos podem obtê-lo com muitos conselhos: organizar bem as compras, zelar no frigorífico e frigorífico os diferentes alimentos ou de rejeitar vitualhas entre sua paisagem, mesmo quando estiverem em bom estado.

4. Fazer uma compra sátira

I

Os consumidores têm uma grande variedade com produtos e serviços em direção ao seu alcance. Confrontar, informar-se acima de quais têm menor impacto ambiental, mesmo criticar e denunciar publicamente essa as empresas com um irregularmente comportamento ambiental, conscientizar-se e não sentido das outras em as vantagens dentre os produtos que respeitem o meio envolvente nos transforma em cidadãos críticos, responsáveis e livres de culpa.

5. Ir em transporte público, bicicleta ou não sentido de pé

O sege privado é o principal causador da poluição do ar urbano, além disso, dentre fazer do que as cidades lugares mais inóspitos. Sempre que se possa, é melhor usar o transporte público, a bicicleta (tanto para fazer esporte porquê para ir com destino a trabalhar ou ir essa caminhada. Do que esta forma, além do que melhorar o meio envolvente, a nossa saúde e a economia doméstica agradecer.

6. Atualiza, mas a respeito de tudo, reduzir e reutilizar

Os consumidores que reciclam evitam preencher os aterros sanitários e a extração dentre novas matérias-primas, reduzem o gasto do que energia e contribuem para essa luta ao contrário de o câmbio climatológico. Separar os resíduos e depositarlos em seu contêiner é, até isso, uma ação ambiental importante, mas é ainda mais reduzir o consumo desnecessário e reutilizar os produtos e recursos para dar-lhes a máxima vida útil possível.

7. Inclinar-se através do sítio ecológico

Os produtos elaborados tapume os consumidores são mais frescos, conservados mais suas propriedades, para evitar o impacto ambiental do transporte e fortalecem a economia sítio. E se, além disso, são produzidos dentre acordo com as normas do que a certificação ecológica, faz-se um esforço acrescentado através de pretender condicionar os arredores.

8. Ter em conta a pegada virtual da água

A água virtual lembre-se a quantidade necessária do levante recurso para produzir bens ou serviços. Os cidadãos, ao longo de tanto, em vez de apenas empregam nascente líquido quando bebem, se duchan ou molham seu jardim, mas também quando comer ou vestir. Por exemplo, uma t-shirt em algodão tem uma pegada a 4.100 litros de água virtual, um hambúrguer de 2.400 litros e uma xícara a moca 140 litros. Pretender reduzir o consumo do que os produtos com maior pegada virtual contribui em direção a manter oriente precioso elemento.

9. Aproveitar as vantagens do consumo colaborativo

Frente em direção a compra para possuir ou usar e deitar fora, o consumo colaborativo defende compartilhar, distribuir ou reutilizar os produtos. Dentre isto maneira, o impacto ambiental é reduzido e, do que passo, você economiza dinheiro. As iniciativas do isto economia colaborativa são estes vez mais diversas e promovem já compartilhar ou trocar carruagem, habitação, até comida ou local de trabalho.

10. Reclamar e fazer gala pública com um consumo responsável

Os consumidores podem e devem ter uma participação ativa nas atividades que influem em sua vida cotidiana. Ao exigir mais medidas para proteger e restabelecer o meio envolvente, as instituições devem implementar iniciativas nesse sentido. Para com a sua secção, as empresas estão atentas não sentido das tendências do mercado, e se os seus clientes exigem produtos vez mais sustentáveis, terão que se adaptar, se dentro de querem perder negócio e até mesmo vanescer.